DUPLA DE ESMALTES: COMBINANDO AS CORES DOS PÉS E DAS MÃOS

15 de dezembro de 2015

Usar as cores de esmalte das mãos combinando com a dos pés já não é uma regra há muito tempo. Mas, na hora da manicure sempre surgem dúvidas de como pintar as unhas, quais cores escolher… A moda é bem democrática, então, não existem muitas regras para isso: mesmo assim, temos algumas dicas para acertar na escolha das cores que “casam” entre si. Veja só:

Círculo Cromático
O círculo cromático é a representação simplificada das cores que o olho humano percebe. Ele é composto por 12 cores, que estão organizadas de maneira a formar um espectro perfeito, e pode te ajudar a criar combinações de cores incríveis. As cores do círculo cromático estão posicionadas de acordo com a classificação dos três tons primários (vermelho, amarelo e azul), que geram os tons secundários (violeta, verde e laranja) e os tons terciários, resultantes da mistura das cores primárias com as secundárias.

Círculo Cromático e a Escolha da Combinação do Esmalte

Cores Análogas
A forma mais simples de usar o círculo cromático, na hora da escolha das cores de esmalte, é começando pelas cores análogas – que nada mais são do que as cores vizinhas no círculo. Por exemplo: o azul está ao lado do roxo, o rosa está pertinho do vermelho. Como são cores bem próximas, o contraste entre elas é menor, portanto, pintar as unhas dos pés e das mãos com cores análogas rende combinações modernas e, ao mesmo tempo, discretas.


Cores Complementares
São chamadas de cores complementares aquelas que estão em lados opostos no círculo cromático, como o laranja e o azul, o amarelo e o roxo, por exemplo. Apesar de parecer uma combinação inusitada, elas casam muito bem! Este tipo de mistura cria um contraste harmônico e ousado.


Tom Sobre Tom
É a combinação de uma mesma cor em diversos tons. Não tem segredo para fazer essa combinação: basta usar as mesmas cores de esmalte nas mãos e nos pés, só que variando o tom. Se usar azul claro na mão, use azul escuro no pé ou vice-versa.

Sandálias x Esmaltes
O esmalte não precisa necessariamente combinar com o calçado, mas é um atrativo a mais para os pés de fora que calçam uma sandália bonita e querem ser vistos. Uma sandália fica ainda mais bonita quando acompanhada de pés bem feitos e unhas pintadas. O contraste das cores também pode ser usado nesta situação, brincando com as cores de esmalte e o material do sapato. Fica um contraste lindo!

Fonte texto e imagens: bottero.net

VEJA DICAS DE LOOKS PARA O NATAL!

8 de dezembro de 2015

Para celebrar uma data especial como o Natal, nada como um visual que transmita a alegria e leveza que nos rodeiam nessa época! Separamos algumas dicas para ajudar você a montar o look perfeito para comemorar o Natal em diferentes ocasiões, confira.

Confraternização do Trabalho
Quem trabalha em um ambiente mais formal precisa lembrar que, apesar de ser confraternização, ainda faz parte do trabalho. Uma boa sugestão de look é uma calça cigarrete combinada com uma blusa ou camisa de seda, com um sapato de salto alto ou sapatilha, para completar – para deixar o “visu” mais leve, uma das peças pode ser estampada! Se o calor não perdoar, você poderá usar saia, vestido ou uma bermuda, mas prefira os modelos mais folgadinhos.


Amigo Secreto
O Natal deve ser comemorado ao lado das pessoas que amamos e é claro que isso inclui os amigos! A princípio o ambiente é de descontração, mas é preciso levar em conta o lugar onde vocês irão. Um restaurante, por exemplo, pede um look mais arrumadinho, como short/saia de alfaiataria + blusa/camisa de seda + sandália de salto médio a alto; já para aquele churrasco de fim de semana, o shortinho jeans e outras peças casuais estão super liberados.

Ceia de Natal
Hora de reunir todos em volta de uma mesa para compartilhar a ceia e boas conversas! Para esse cenário os vestidos são perfeitos! Aposte em um modelo que combine com seu estilo pessoal e para finalizar escolha um calçado confortável, afinal a festa vai longe: sapatilha, rasteirinha ou plataforma, para quem não dispensa o salto, são ótimas opções.


After Party
Já que estamos comemorando, por que não sair para curtir a noite? Vestidos ou saias mais justinhos são escolhas tradicionais, então para deixá-las em clima de Natal, que tal apostar na tabela de cores típica da data? Vermelho, verde, dourado, branco ou prata são algumas sugestões. Nos pés, os sapatos de salto alto podem ser em cores neutras, como preto, nude, branco ou até mesmo em tons metalizados.

Almoço com a Família
Finalizando as comemorações, temos aquele almoço em família no dia 25! Nessa ocasião as roupas podem ser leves e despojadas: shortinho com camiseta? Perfeito! Lembre-se mais uma vez de escolher um calçado confortável, aqui o sapatênis e a sandália gladiadora caem super bem!

Fonte e imagens: Bottero.net

MACACÃO É TENDÊNCIA PARA O VERÃO 2016

2 de dezembro de 2015

O macacão cai bem em qualquer tipo de corpo, valoriza as curvas e, por isso, você pode usá-lo sem medo! Mas, é sempre bom lembrar, que alguns detalhes podem te favorecer mais do que outros, dá uma olhadinha nesses exemplos:

Para as baixinhas, a dica é investir em peças com a cintura mais alta e que tenham decote; o decote em um “u” ou “v” alongam e faz você parecer mais alta. As pernas são favorecidas com detalhes como fendas e transparências. Para finalizar, prefira um sapato que seja da mesma cor do macacão (esse truque também ajuda a alongar a silhueta) ou que deixe o peito do pé à mostra.


As mulheres altas ficam especialmente elegantes com macacões cuja parte de cima é mais trabalhada do que a de baixo, valorizando o colo, o que pode ser feito também com decote tomara que caia ou de um ombro só, chamando a atenção para a parte de cima e equilibrando as proporções do corpo.
Quem tiver pernas grossas também pode aproveitar essas dicas.


Para as mulheres de quadril largo, o truque é usar o macacão com cinto ou a cintura mais ajustada, deixando o corpo ainda mais bonito e realçando as curvas sem exagero.
Seios grandes ganham destaque e sensualidade com a ajuda do decote em V, mas se o objetivo for o contrário, aposte nas cores lisas e no decote arredondado.

Com seios pequenos, o contraste de cores, cintura marcada e detalhes, como babados, pregas ou estampas fazem toda a diferença.

Combinações

Por ser uma peça única, combinar o macacão com outros itens é fácil. Basicamente, a dica é manter o equilíbrio. Por exemplo, se o macacão for estampado, invista em acessórios discretos e delicados, já no caso de um macacão de cor lisa, se sinta livre para usar acessórios mais chamativos, especialmente quando as cores da peça são neutras, como o preto ou branco.

Nos Pés
O salto alto, em suas diversas variedades, é quase unanimidade na criação de looks. Para macacões com barra estilo pantalona, os saltos grossos, a anabela, plataforma e meia pata são as indicações. Quando o macacão tiver a parte de baixo mais sequinha, aproveite para usar sandálias mais delicadas e detalhadas, mas lembre-se que calçados com amarração no tornozelo só são recomendados se a barra terminar antes dessa região.


Como foi dito, o salto alto é quase unanimidade, quase, pois muitas mulheres gostam mesmo das sapatilhas e sandálias rasteiras, se esse for o seu caso, prefira os macacões mais sequinhos e que deixem o tornozelo aparecendo.

Você já entrou na onda do macacão?

Fonte e imagens: Bottero

Turbante

25 de novembro de 2015

A origem do turbante é milenar e, talvez por isso, um pouco misteriosa. Historiadores da moda apontam que ele era usado antes mesmo da Era Cristã (Século I), dividindo seu berço entre Ásia, Oriente Médio e África. Até hoje, o turbante é tido como um símbolo de identificação religiosa, cultural e social e, claro, faz parte da moda africana.


É possível notar que as versões mais tradicionais do turbante africano cobrem toda a parte de cima da cabeça – muitas vezes escondendo todo o cabelo – e contam com amarrações no topo.



Hoje em dia, além da forma tradicional, vemos lenços amarrados de diferentes maneiras. Outra influência moderna está na variedade de tecidos e estampas.
Uma maneira bem simples de amarrar o lenço é a seguinte:

1 – Posicione um lenço retangular (ou quadrado dobrado em forma de tira) atrás da cabeça, próximo a nuca e com as pontas em direção a testa;
2 – Faça dois nós com as pontas soltas na frente da cabeça;
3 – Leve as tiras soltas a parte de trás do lenço na frente da cabeça e o turbante estará pronto!


Essa é uma técnica básica, que pode ser aprimorada à medida que suas habilidades e o tamanho do lenço crescem! Para deixar o processo mais fácil, prenda o cabelo, escovando ou puxando a parte da frente para trás, criando uma superfície mais plana – se você curtir o visual, não tenha medo de apostar na combinação do turbante com um coque ou rabo de cavalo!

Os looks com turbante normalmente combinam lenços lisos com roupas estampadas ou vice-versa. No entanto, em looks tradicionais africanos vemos que as estampas são combinadas entre si, sem seguir muitas regras. Em ambos os casos, cores fortes e alegres são sempre bem vindas.


Fonte e imagens: Bottero

Asics Gel Pulse 7

17 de novembro de 2015


O Tênis Asics Gel Pulse 7 ganhou em evolução e desempenho com relação a sua versão anterior. Seu cabedal conta com mesh mais aberto, o que permite obter ainda maior ventilação para os pés. Sua entressola ganhou um design que remete a velocidade e oferecendo maior performance.

A tecnologia GEL passou por uma nova atualização para obter uma maior absorção de impacto e garantir uma maior eficiência durante o ciclo das passadas. O solado está com uma nova geometria para melhor desempenho durante a corrida.


O EFEITO VAZADO QUE VIROU TENDÊNCIA

10 de novembro de 2015


Criando belos desenhos através de recortes precisos no tecido, o laser cut mais uma vez estará em alta em roupas, acessórios e, é claro, sapatos! O efeito vazado é criado através de lasers, que recortam os mais diversos tipos de material, criando desenhos geométricos, florais ou inspirados em técnicas como o crochê. O resultado são peças leves, delicadas e cheias de estilo, que se tornam o destaque da produção.

Uma dica é primar pelo equilíbrio. Se a roupa tiver recortes marcantes, talvez seja melhor optar por um calçado liso ou que tenha vazados delicados, vice e versa. Criar um “respiro” entre uma peça e a outra também é uma opção interessante, por exemplo: uma blusinha com recortes, combinada com uma calça ou shorts básicos, poderá cair bem com um calçado vazado, sem criar exageros.

Quanto aos acessórios, como bolsa e cinto, a mistura de texturas é a combinação mais recomendada. Tudo bem se forem feitos do mesmo material, mas procure harmonizar as cores e tramas – elas podem ser semelhantes, mas não há necessidade de que sejam idênticas.

Parte da elegância do laser cut é, justamente, mostrar um pouco da pele. Por isso, evite o uso de meia-calça, especialmente quando os recortes forem grandes ou bem detalhados nas pernas, pois a meia poderá apagar um pouco o contraste que essa tendência propõe.








Fonte: Bottero.net

Branco!

3 de novembro de 2015



Os sapatos brancos podem ser usados no maior estilo. Veja algumas dicas pra te ajudar na escolha do look com a sapatilha branca.

1. Mantenha-os limpos.
Certifique-se que eles estão sempre limpos. Os sapatos brancos devem estar sempre impecáveis.

2. Estações quentes super combinam com sapato branco.
As estações quentes (primavera/verão) combinam super bem com sapatos brancos. No verão, em geral, as cores de roupas são mais claras e coloridas e ficam mais fácil de calçar o sapato branco.

3. Sapato branco fica ótimo com roupas coloridas. Azul, amarelo, laranja…
Um vestido azul e um sapato branco, por exemplo. Estampa náutica com sapatilha branca. Um tecido brilhante e sapato branco.

4. Cores sutis (tons pastel) no “look”.
Essa é a combinação clássica com o sapato branco, para garantir um “look” suave. Padrões de cores mais neutros com os sapatos brancos, sempre funcionam. Você pode, ainda, combinar apenas uma peça.

5. Não necessariamente o sapato branco tem que estar casadinho com a bolsa ou outros acessórios, mas detalhes sutis da cor no look podem ajudar na harmonia.

Ficam as dicas ;)

Spa em casa: aprenda a preparar um escalda-pés relaxante

21 de outubro de 2015

Nada como chegar em casa, tirar o sapato e, finalmente, dar aos pés o tratamento que merecem: um escalda-pés quentinho e relaxante. Aprenda a prepará-lo!

Foto: Shutterstock 

Ingredientes
Água quente (em temperatura confortável, que não queime a pele)
1 col. (sobremesa) de sal grosso
150 g de erva doce desidratada
25 gotas de óleo essencial de lavanda

Modo de fazer
Coloque todos os itens em um recipiente que comporte seus pés e deixe-os emergidos por 20 minutos.


Agradecimentos à terapeuta facial e corporal Rosane de Franco, da De Franco Centro de Estética (RJ), que cedeu a receita.

All Star - converse

13 de outubro de 2015


Dizem que quanto mais velho, mais gostoso fica. Surrado, customizado, com cadarço de cores diferentes. Cada um tem seu próprio jeito de usar ALL STAR, o tênis que não sai dos pés de muitas gerações. Jovens e adultos, universitários, roqueiros, profissionais liberais e celebridades, o ALL STAR é sucesso em todas as tribos.
Não é de hoje que famosos exibem seus pares. Companhia para todas as ocasiões há quem afirme que não vive sem ele.

A história

A história de um dos maiores ícones da cultura americana e posteriormente mundial começou quando Marquis Mills Converse fundou a empresa Converse Rubber Company em 1908, na cidade de Malden, estado do Massachusetts. Em 1917, a empresa lançou uma linha de calçados esportivos, incluindo um tênis feito de lona, sola grossa e biqueira de borracha que revolucionou o basquete, criando assim um calçado inovador para a época, o mundialmente famoso CONVERSE ALL STAR, com o selo de estrela na parte lateral do tornozelo. Charles “Chuck” Taylor, jogador universitário que logo se tornou profissional, foi recrutado para representar e vender o modelo, viajar pelo país e “evangelizar” os demais jogadores de basquete.
Lançado em 1923, o CONVERSE ALL STAR com sua assinatura foi um sucesso instantâneo, sendo o único tênis usado por todos os jogadores de basquete, quer seja profissional ou universitário. O design básico, o conforto, a durabilidade e a funcionalidade foram características que determinaram a escolha do CONVERSE ALL STAR como calçado oficial das forças armadas americanas durante a Segunda Guerra Mundial.

O sucesso continuou nos anos seguintes e nos anos 80 ultrapassou quaisquer barreiras culturais e sociais, que os tênis ALL STAR consolidam-se definitivamente como o produto democrático, que atendia a mundos diversos, chegando, inclusive, em terras brasileiras pela primeira vez, onde ficou conhecido pelo slogan “O tênis de todas as estrelas”. Em 1992, o ALL STAR, que já havia virado um ícone no segmento de calçados, comemorou 75 anos com 500 milhões de pares vendidos no mundo inteiro.

A Converse é uma plataforma para a auto expressão, uma lona branca pronta para receber ideias.


As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand)

Mocassim, tendência que permanece

6 de outubro de 2015

O dockside feminino, espécie de mocassim, é fortemente inspirado no “boat shoe”, um calçado criado em meados de 1940, adotado por marinheiros e velejadores. Mas apesar de ter origem no guarda-roupa masculino e uma inegável ligação com o mundo náutico, o dockside feminino não fica restrito aos estilos boyish ou navy, pelo contrário, ele é considerado um calçado versátil, que pode ser usado nos mais diferentes looks casuais.


 A combinação dockside e vestido é uma das mais populares. Além de confortável e fresquinho, esse look é super feminino. Uma opção para conciliar é optar por vestidos casuais, soltinhos e confeccionados em tecidos leves; o comprimento pode ir do mini ao midi, e o caimento do reto ao godê. Essas dicas valem também para as saias, mas nesse caso é interessante harmonizar as peças: se a saia for mais ampla, prefira uma blusa justa e vice-versa.

Os shorts e bermudas também caem muito bem com o calçado, especialmente em eventos despojados, como um passeio na feirinha ou um almoço em família! O clássico shorts jeans e camiseta é acessível e confortável, mas se quiser um visual mais elaborado, um shorts de algodão, combinado com uma blusinha de seda e alguns acessórios são boas opções.

Quando usado com calça, o dockside ganha um aspecto de elegante ou despojado, dependendo da escolha das peças. Se você preferir o elegante, invista na combinação com camisas ou blusas elaboradas, e adicione alguns acessórios ao look, como um cinto, um colar ou mesmo um chapéu – trocar o jeans por uma calça de sarja também pode ajudar.
Se você fizer o estilo despojado, camisetas soltinhas e regatas cairão super bem!Na hora de escolher uma calça, lembre-se que a modelagens justas, como skinny ou cigarrete, caem melhor com o sapato, mas calças mais soltinhas também podem ser usadas, contanto que elas deixem o tornozelo aparente. Aliás, o tornozelo aparecendo é praticamente uma “regra” fashion de uso do dockside, que vale tanto para os homens quanto para as mulheres.


Os modelos coloridos estão com tudo e podem trazer um charme extra ao look. Uma opção é investir no dockside floral, que deixará a combinação bem alto astral e é a tendência do momento ou aproveitar modelos com cores lisas, que facilitam na hora de criar composições.



Fonte: Bottero


Sapatos vazados

29 de setembro de 2015

Furos! E não estamos falando das notícias, mas sim de um detalhe de acabamento dos sapatos que faz toda a diferença nos dias em que a temperatura sobe: os sapatos vazados, com recortes feitos a laser.

Esse tipo de acabamento reúne o que há de mais moderno em tecnologia com as tendências mais bacanas pensadas pelos estilistas e designers para esta temporada.

Assim, recortados, com um efeito rendado, esses sapatos passam a ter mais destaque no look. Por isso, eles combinam tão bem com a brincadeira fashion atual de colocar lado a lado duas peças de pesos iguais: por exemplo, um vestido de crochê ou renda, que, naturalmente fofo, ficará mais romântico ao lado de uma sapatilha vazada. O mesmo acontece quando se coloca uma espadrilha com esse efeito rendado ao lado de um vestido floral.

Agora, para ver esses sapatos ganharem vida nova, basta colocá-los ao lado de vestidos, calças, saias e camisas minimalistas, todos no mesmo tom. Assim, eles automaticamente perderão a aura romântica e parecerão ornamentais.





Fonte texto: Bottero.net

Mood cinquentinha com lenço no pescoço

22 de setembro de 2015

Tendência herdada dos anos 50, o lenço no pescoço está em alta. Combinado com jeans, jaquetas, trench coats, blazer e camisa branca, o truque de styling garante um ar moderno e descolado.

Imagem reprodução

O item combina perfeitamente com um look ladylike, mas sua versatilidade permite o encaixe em qualquer estilo. Tudo depende da estampa e da forma de amarração escolhida. Na hora de escolher a cor do acessório, lembre-se que ele deve contrastar com o tom da sua pele e combinar, de alguma forma, com a produção como um todo.

Imagem reprodução


Quanto ao comprimento, vale tudo: desde os curtinhos com um nó rente ao pescoço, seguindo o conceito das gargantilhas, até os mais longos trazendo a ideia da gravata, alongando a silhueta. Finalize a produção com calçados delicados e super femininos.



Fonte texto: Ramarim.com.br

7 DICAS SIMPLES PARA MUDAR DE LOOK NUM PISCAR DE OLHOS

15 de setembro de 2015

Você já pensou em mudar um pouco sua aparência e visual com dicas simples? Não se trata de roupas ultra inovadoras e ideias mirabolantes, mas realmente dicas de looks que podem ser aplicados sem muito esforço e rapidamente no dia a dia. Acompanhe a lista abaixo e descubra como é fácil renovar!

1- Use Lenços
Que tal ter um lenço sempre na bolsa? Você pode amarrar na cintura ou colocar no pescoço, caso esfrie. Além disso, o adereço tem o poder de mudar completamente o look, trazendo mais charme à composição final. Aposte nos coloridos e estampados para as estações quentes e tons mais sóbrios nas épocas frias. Fica show!



2- Tenha um Óculos Inusitado
Você pode adquirir um óculos vintage, daqueles redondos e grandes estilo Lady Gaga ou inspirados na Janis Joplin e Rita Lee, com ares psicodélicos e lentes coloridas. Em um dia ensolarado você pode colocar e arrasar nas ruas, já que é um acessório moderno e descolado.


3- Varie a Risca do Cabelo
Você pode estar acostumada a usar o cabelo sempre jogado para a esquerda, ou para a direita, mas que tal inverter? Mude a risca de lado ou deixe no centro um dia ou outro, você verá o impacto da mudança no visual final. Prender o cabelo de formas diferentes da habitual também é uma ótima opção.



4- Corte as Pontas
De vez em quando dá aquela vontade de mudar o corte de cabelo completamente, não é mesmo? Mas, você já pensou em cortar as pontas de vez em quando? Apenas esse detalhe já renova seu visual com simplicidade e sem grandes transformações, além de evitar pontas duplas.

5- Batom Sempre à Mão
Para as mulheres que adoram passar batom, a dica é variar a cor. Tendemos a usar as mesmas tonalidades e inspirações, o que não apresenta novidades no visual. Por isso, deixe um ou dois batons super inovadores na bolsa e quando bater a inspiração, tcharam!



6- Capriche nos Acessórios
Os acessórios são as peças chave das produções femininas e incrementam os visuais de forma excepcional. Por isso, invista em colares diferenciados, brincos divertidos, cintos descontraídos, tiaras de flores, anéis elegantes e outros acessórios para variar o look e acrescentar personalidade.


7- Mude o Foco
Se você é daquelas que gosta de sempre passar batom e suavizar os olhos, tente mudar o foco e variar a maquiagem de vez em quando, passando delineador e um rímel poderoso ou uma sombra esfumada, mantendo os lábios suaves e sóbrios. Que tal?


Fonte: Bottero.net

INSPIRAÇÕES DE LOOKS PARA IR À FACULDADE

8 de setembro de 2015

Quais são os melhores looks para usar na faculdade? É claro que o estilo próprio de cada mulher deve prevalecer – mas algumas dicas podem ser dadas para inspirar e facilitar a escolha do guarda-roupas. Outro item que pode ser levado em consideração é o curso: em alguns cursos da área da saúde, por exemplo, é necessário usar roupas claras e jaleco; já nos cursos relacionados a áreas jurídicas, dependendo das aulas será preciso utilizar roupas mais formais. Portando, veja algumas dicas para o dia a dia da faculdade, alie aos detalhes acima e monte looks de arrasar!

Saia ou Vestido Médio + Sandália Gladiadora
O vestido longo é uma ótima opção para a estação que está chegando: em dias mais frescos, é possível usar uma jaquetinha jeans ou cardigã – mas, quando fizer calor, ele também é um investimento super charmoso. Junto com a rasteirinha gladiadora vai ficar ainda mais fashion.


O Clássico Navy
O estilo marinheiro também chega na primavera verão 2016 com toda a força. Para aderir a este visual, uma ótima dica é o look com calçado vermelho, calça jeans e blusinha listrada azul e branco – com um blazer clarinho bem charmoso, caso esteja frio. Se preferir, as listras também podem ir nos pés, em tênis esportivos. Neste caso, uma mochila vermelha pode ser a melhor escolha para finalizar o visual.



Jeans Colorido + Camisa Fashion + Tênis
O jeans colorido (vermelho, verde, amarelo, entre outros) é uma saída para quem quer fugir do marasmo, sem ousar demais. Com calças em tons terrosos, vermelho e verde, a camisa jeans + tênis são uma combinação certeira. Já nas calças em cores mais claras, como azul e amarelo, a aposta é uma camisa bem colorida e fashion.


Camiseta + Calça Flare + Rasteirinha
Falando em estampa, algumas rasteirinhas também combinam bastante com um visual mais retrô. Invista em uma calça flare e uma camiseta de alcinha – vai ficar um charme tropical.



Estampas Discretas
Nem sempre o estampado precisa vir nas peças de roupa para deixar o visual mais despojado – alguns calçados, por exemplo, chegam com estampas florais super diferentes. Uma ótima maneira de alegrar visuais monocromáticos e básicos!


Como Usar: Espadrilha

1 de setembro de 2015

Espadrilha (ou espadrille) tem esse nome pela sua confecção, que no começo era feita com espartos, um tipo de planta que se assemelha à palha, trançados na sola do calçado. Hoje o salto é feito com materiais ainda rústicos, como ráfia, palha, juta e cordas trançadas de palha.

Espadrilhas são a cara do verão,  há o modelo anabela, super confortável, que pode ser peep toe ou não. Combine a espadrilha com vestidinhos, fica mais delicado. A sandália também vai muito bem com jeans, aproveite a onda da mistura jeans + jeans para colocar um elemento rústico nos pés.
Para deixar moderno, uma sugestão é usá-la com calça jeans boyfriend e uma blusinha mais justa. Saias de cintura alta e macaquinhos são uma ótima opção nesse verão. A espadrilha só não combina com roupas formais e com inverno. Então, esqueçam o look todo de alfaiataria. O ar despretensiodo e casual é o que mais combina com essa estação. ;)




Texto: JustLia


CONHEÇA A HISTÓRIA DAS SAPATILHAS

25 de agosto de 2015

Se te perguntassem qual o calçado do momento, que é confortável, versátil e que toda mulher tem ao menos um par no guarda-roupa, o que você responderia? Sapatilhas, é claro! As sapatilhas se tornaram melhores amigas das mulheres. Trata-se de um sapato baixo, fechado e macio que pode fazer parte de um look fashion em qualquer horário do dia. Mas, você sabe dizer quando e onde surgiu essa companheira? Qual a história que envolve esse calçado? Confira!


Estrela de Cinema
Apesar da glória do salto alto, os calçados baixos nunca perdem a credibilidade. Por isso, a atriz francesa da década de 60, Brigitte Bardot, por praticar balé, queria um calçado que pudesse ser usado não somente em suas aulas, mas também no dia a dia. A partir daí, foi criado um modelo de calçado chamado “Cendrillon” – por Rose Repetto, em 1956 – que, inclusive, foi visto sendo usado pela atriz em um filme da época chamado “E Deus criou a mulher” de Roger Vadim.

A Queridinha do Nosso Tempo
Mesmo tendo sido utilizada para compor o look da atriz no filme, a moda não pegou logo de cara. Porém, a sapatilha foi protagonista de novo em outro filme um ano depois, dessa vez estrelado pela Audrey Hepburn no filme “Cinderela em Paris”, de Stanley Donen. A partir daí, as mulheres abriram os olhos para as ballerinas, que são as atuais sapatilhas e, desde então, elas não saíram mais da moda. Por onde quer que você olhe, poderá se deparar com uma sapatilha em diferentes cores, estampas e texturas. Realmente é uma opção muito feminina, versátil e confortável!

E você? Quantos pares tem no guarda-roupa?



Fonte: Bottero

Sandálias gladiadoras tendências para 2015

18 de agosto de 2015

As sandálias gladiadoras estão entre as tendências para o verão 2015. Inspiradas na Roma Antiga, onde eram usadas por gladiadores para proteger seus pés na hora do combate e como símbolo de distinção entre classes sociais, as sandálias gladiadoras vão voltar com tudo em diversos modelos. Variando entre modelos mais pesados, podendo chegar até os joelhos, e modelos mais leves, até o tornozelo, com ou sem salto.



Glamourosas e irreverentes, as sandálias gladiadoras misturam a autenticidade ao conforto, porém como qualquer tendência, são necessárias algumas regras para que sejam usadas corretamente valorizando o seu tipo de corpo ou look, veja algumas dicas:

Como a sandália já é muito chamativa, tome cuidado para não carregar demais seu visual, usando muitos acessórios;

Equilibre o peso da sandália com o look que irá usar, com um look mais básico, opte pelos modelos rasteira até os tornozelos, por exemplo;

Os modelos que tem as tiras mais altas, devem ser usados com saias, shorts e vestidos;

Como suas tiras trazem um estilo mais pesado e estruturado ao look, a dica é combiná-las, principalmente, com shorts jeans e saias larguinhas para um contraste atemporal.



Fonte: Mundodastribos 
Por Andressa

Cuidados para manter seu calçado lindo e novo

11 de agosto de 2015

Queridinhos das garotas, os sapatos são companhias indispensáveis e melhores amigos das mulheres.
Porém, com o tempo é natural que ocorra um desgaste nos calçados, principalmente se for bastante usado. A vida útil de um sapato, seja qual for o modelo, é em média de 5 anos, mas esse tempo pode ser prolongado com a aplicação de alguns truques e zelos.

Cuidado Constante

Lembre-se de manter os sapatos sempre limpos, retirando manchas e pequenas marcas que podem surgir ocasionalmente. O segredo é utilizar esponjas para obter um efeito mais duradouro. Tenha em mente que é sempre melhor prevenir do que remediar, então procure passar a esponja ao menos uma vez por semana.

Guarde as Caixas
Você já pensou em manter os seus sapatos guardados dentro da caixa quando não estiver usando? Esse truque faz as belas sandálias, botas e scarpins durarem muito mais. Para aumentar a resistência, coloque enchimento dentro dos sapatos para manter o formato original e evitar que amassem.


O solado é Tudo
Pode parecer trabalhoso, mas trocar a sola do sapato periodicamente pode fazer com que eles durem por mais tempo, além de garantir mais conforto.


Você já pensou em retocar
Você não precisa ser um profissional especializado em restauração de sapatos: um truque muito útil, que pode cobrir imperfeições no calçado, é a caneta tinteira. Utilize-a para cobrir pequenas marcas! Se o sapato for preto, o resultado ficará ainda melhor.

Tenha sempre em mãos na sua imensa lista de contatos o telefone de um sapateiro! Você nunca sabe quando vai precisar dele.

Agora que já sabe as dicas, basta aplicá-las para conservar aquele sapato que você adora!


Fonte e imagens Bottero

HORA DO TRABALHO! COM QUE SAPATO EU VOU?

4 de agosto de 2015

Os sapatos são uma das peças chave para uma jornada de trabalho. Afinal, os pés exigem cuidados que vão além da moda.
Mas como escolher o sapato ideal? O modelo deve ser pensado de acordo com a rotina de cada pessoa e o tempo que se fica sentada ou em pé, por exemplo.
Independente de como você trabalhe, o conforto e bem estar devem ser priorizados.

Se sua profissão exige que você se movimente bastante, opte por modelos mais baixos e com palmilhas confortáveis para aguentar o impacto e, além disso, dê preferência para materiais naturais. Os sintéticos tendem a dificultar a transpiração dos pés.

Agora se você fica bastante tempo em pé, opte por sapatos que não apertem seus pés e não use calçados com salto muito fino e alto, pois causam dores e podem machucar os pés e coluna.

Já quem trabalha sentada, mesmo que não precise se preocupar muito com a pressão que os pés sofrem ao longo do dia, deve escolher os tipos de sapato mais leves, para facilitar a transpiração ao longo do dia.
Além disso, é importante alternar os tipos de calçados durante a semana.

Veja abaixo, algumas sugestões:

Empresas Formais:




Empresas Criativas:

Empresas Contemporâneas:

Empresas Casuais:


Fonte e imagens: Bottero
 

Posts Comments

© 2014 Ponto 3 e Calçados Schmidt · Agência Pronúncia